Carregando...

Alerta!

logo Polícia vai investigar pichação em ponto de ônibus - Notícias - AN Notícias Polícia vai investigar pichação em ponto de ônibus - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 10 de Julho de 2020

SAIBA MAIS

Dia da Pizza -
02/06/2020 11h38

Polícia vai investigar pichação em ponto de ônibusAo tomar conhecimento do fato, o prefeito Júnior da Femac manifestou indignação e pediu que população ajude a identificar os marginais denunciando às autoridades

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

O Instituto de Desenvolvimento, Pesquisa e Planejamento da Prefeitura de Apucarana (Idepplan) anunciou que vai registrar um boletim de ocorrência junto à Polícia Civil de Apucarana pedindo investigação de autoria de danos ao patrimônio público. Na madrugada desta terça-feira um grupo de marginais vandalizou um ponto de ônibus com cobertura instalado no Residencial Sumatra. A estrutura de proteção aos usuários do transporte coletivo foi totalmente pichada.

Ao tomar conhecimento do fato, o prefeito Júnior da Femac manifestou indignação. “Todo ato de depredação é uma ação condenável. Os pontos de ônibus com cobertura que estão sendo instalados por toda a cidade, são uma conquista da gestão Beto Preto, que conduziu com lisura e responsabilidade um árduo processo de concessão do serviço. São equipamentos que têm proporcionado proteção e conforto ao usuário e é inadmissível atos de vandalismo que prejudicam toda a coletividade”, disse o prefeito.

No Brasil, a pichação é considerada vandalismo e crime ambiental, nos termos do artigo 65 da Lei 9.605/98 (Lei dos Crimes Ambientais), que estipula pena de detenção de três meses a um ano, e multa, para quem pichar, grafitar ou por qualquer meio sujar edificação ou monumento urbano.

Júnior pediu ajuda da população nas investigações. “Muitas vezes a pessoa sabe quem são os responsáveis, mas não tem ideia de como proceder a denúncia, que pode ser anônima. Basta ligar para a nossa Guarda Civil Municipal no telefone 153”, orientou o prefeito. O denunciante pode entrar em contato ainda com a Polícia Militar pelo 190 ou Polícia Civil pelo 3422-0525.

Previsto no contrato de concessão, a VAL é responsável pela instalação de 700 pontos de ônibus com cobertura ao longo das linhas, em um prazo de cinco anos. “Desde março, cerca de 15 pontos de embarque e desembarque já foram instalados pela empresa, priorizando os locais com maior fluxo de passageiros”, informa Carlos Mendes, superintendente de Transporte do Idepplan.

São três modelos desenvolvidos para o município. “Um mais simples, destinado a pontos com baixo fluxo de usuários e os outros dois modelos projetados para comportar um maior número de pessoas, um deles com estrutura de chapa de aço e fechamento de laterais e de fundo em vidro temperado, com banco e cobertura, e o outro com estrutura de chapa de aço sem o vidro temperado, ambos com 3,65 m de comprimento e 1,70 m de largura”, relata Mendes.

Além do ponto de ônibus da região do Residencial Sumatra, outras pichações e depredações já foram identificadas pelo Idepplan em outras paradas. “Contamos com a população para ajudar a cuidar do patrimônio público, que é de todos nós, denunciando os responsáveis que estão jogando contra Apucarana, prejudicando quase 140 mil pessoas”, reforçou Mendes.

Fonte: AN Notícias com PM Apucarana

Galeria de Imagens