Carregando...

Alerta!

logo Professora de Arapongas do Estado irá fazer Mestrado na França após ganhar bolsa - Notícias - AN Notícias Professora de Arapongas do Estado irá fazer Mestrado na França após ganhar bolsa - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 16 de Setembro de 2021

SAIBA MAIS

Dia de São Cipriano - Dia Internacional da Paz - Dia de São Cornélio - Dia da Preservação da Camada de Ozônio -
28/06/2021 06h59

Professora de Arapongas do Estado irá fazer Mestrado na França após ganhar bolsaEla apresentou um projeto de pesquisa sobre a atuação de artistas brasileiros exilados em Paris

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto
A professora Bruna Talita Ribeiro Vidal, que leciona nos Colégios Emílio de Menezes, Marquês de Caravelas, Júlia Wanderley e Nadir Mendes Montanha a disciplina de História no sistema público de ensino em Arapongas, no Paraná, vai realizar um sonho e não é qualquer um.

Neste ano, ela decidiu se dedicar ao seu sonho de realizar um mestrado na França. Ela encaminhou para sete Universidades francesas um projeto de pesquisa sobre a atuação de artistas brasileiros exilados em Paris durante a Ditadura Militar. "Fui aceita em cinco instituições: Université Sorbonne Nord, Université Sorbonne Nouvelle, Université Gustave Eiffel, Université de Paris (Paris-Diderot) sendo que uma delas, a Université Paris-Saclay, me contemplou com uma bolsa de estudos para os dois anos de mestrado", disse ao AN Notícias.

Vocês tem ideia do que isso significa?

Uma mulher latinoamericana e professora, aceita e contemplada com uma bolsa de estudos em uma das universidades mais prestigiadas da França para estudar ditadura militar brasileira na França.

Mas no meio do caminho tinha uma pedra. Afinal, pobre não tem um minuto de paz nesse país. Desde abril o Governo Francês parou de emitir vistos para brasileiros devido ao descontrole da pandemia no Brasil. Mais de 300 estudantes e pesquisadores podem ser afetados (entre eles, euzinha). Por este motivo gostaria de pedir o seu apoio na campanha para reabertura da emissão de vistos para brasileiros no Consulado Francês. Siga o perfil no IG @etudierestimperieux e suba a hashtag #ÉtudierEstImperieux

E ajudem a levar a pesquisa brasileira para a França!
Fonte: AN Notícias

Galeria de Imagens