Carregando...

Alerta!

logo Litoral do Paraná registra mais de 11.500 acidentes com águas vivas - Notícias - AN Notícias Litoral do Paraná registra mais de 11.500 acidentes com águas vivas - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 16 de Dezembro de 2018

SAIBA MAIS

Dia do Reservista - Dia de Santo Eusébio - Dia do Teatro Amador e ia Nacional de Bahrein -
17/01/2017 08h31

Litoral do Paraná registra mais de 11.500 acidentes com águas vivasOs acidentes com águas-vivas estão cada vez mais frequentes nas praias do Paraná

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

Os acidentes com águas-vivas estão cada vez mais frequentes nas praias do Paraná. No litoral paranaense, foram registrados 11.500 mil casos de dezembro até agora. No ano passado, durante toda a temporada, foram 11.800 atendimentos.

Em 2017, Matinhos lidera o ranking com mais de 5.200 acidentes, seguido de Pontal do Paraná com quase 3900 casos e Guaratuba com pouco mais de 2.400.

De acordo com a bióloga e coordenadora da Divisão de Zoonoses e Intoxicações da Secretaria da Saúde do Paraná, Tânia Portella, o fenômeno tem se tornado comum nos últimos anos.

“Desde 2011 que está mais comum o acidente com águas-vivas no nosso litoral, elas são características da nossa região, do litoral do Paraná e Santa Catarina, então, a gente que acaba adentrando nesse espaço e dividindo com elas”. Explicou Tânia.

A recomendação é que a população se informe com o guarda vidas sobre a incidência desses animais no local onde pretende entrar no mar, e se houver, evite entrar na água. A grande maioria dos acidentes com águas-vivas ocasionam quadros leves, com dor e queimação no local de contato com o animal.

Neste tipo de caso clássico, a assistência é feita na beira da praia, pela equipe de guarda-vidas do Corpo de Bombeiros. O atendimento consiste na aplicação de vinagre na região da pele que teve contato com os tentáculos da água-viva. Isso serve para aliviar a dor e barrar a ação da toxina do animal.

Após o acidente, é possível também aplicar a própria água do mar na pele. Antes do início da Operação Verão, o Governo do Estado distribuiu quase mil litros de vinagre para abastecer os estoques dos municípios.

Os frascos estão disponíveis nas unidades de saúde e nas bases do Corpo de Bombeiros ao longo da orla.

Fonte: AN Notícias com Portal Paraná UOL