Carregando...

Alerta!

logo Previdência: Governo vai propor idade mínima de 65 anos para homens e mulheres - Notícias - AN Notícias Previdência: Governo vai propor idade mínima de 65 anos para homens e mulheres - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 24 de Abril de 2019

SAIBA MAIS

Dia do Chimarrão e Churrasco - Dia de S. Fidelis - Dia do Agente de Viagem - Dia do Operador de Triagem e Dia do Boi -
05/02/2019 10h26

Previdência: Governo vai propor idade mínima de 65 anos para homens e mulheresAtualmente, há a exigência de ter 65 anos, para homens, e 60 anos, para mulheres, com no mínimo de 15 anos de contribuição

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

O governo Jair Bolsonaro vai propor idade mínima de 65 para homens e mulheres se aposentarem no Brasil, segundo minuta da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) obtida com exclusividade pelo jornal “Estado de S. Paulo”.

De acordo com a publicação, o texto foi confirmado por três fontes que participam da elaboração da reforma. Outras fontes disseram ao jornal que é uma versão preliminar e que mudanças ainda podem ser feitas – como na discussão se a idade mínima final será a mesma para homens e mulheres.

A proposta de reforma da Previdência vincula a aposentadoria dos militares estaduais às das Forças Armadas, mas leis complementares vão estabelecer as regras gerais de organização e funcionamento do regime próprio de policiais militares e bombeiros.
 

Atualmente, há a exigência de ter 65 anos, para homens, e 60 anos, para mulheres, com no mínimo de 15 anos de contribuição. Além disso, é possível se aposentar sem a idade mínima, mas com 35 anos de contribuição, para homens, e 30 anos, para mulheres, de pagamentos ao INSS. Na reforma proposta pelo governo Bolsonaro, a possibilidade de se aposentar por tempo de contribuição será extinta.

De acordo com o jornal, o tempo mínimo de contribuição para se aposentar vai subir dos atuais 15 anos para 20 anos. Para quem se aposentar pelo INSS com o tempo mínimo, será efetuado o pagamento de 60% do benefício. A cada ano a mais, acrescentará dois pontos porcentuais até chegar a 100% do benefício com 40 anos.

No caso dos servidores públicos, a contribuição mínima começará com 25 anos e serão necessários 40 anos para ter direito a 100% do benefício, de acordo com fontes do governo.

 

Fonte: AN Notícias com IstoÉ