Carregando...

Alerta!

logo Bandidos que mataram tenente da PM na grande Curitiba morrem em confronto - Notícias - AN Notícias Bandidos que mataram tenente da PM na grande Curitiba morrem em confronto - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 23 de Outubro de 2017

SAIBA MAIS

Dia da Aviação Brasileira - Dia da Répública - Dia de Chulalongkorn - Dia de São Severino - Dia Mundial da Informação -
03/10/2017 12h51

Bandidos que mataram tenente da PM na grande Curitiba morrem em confrontoEles mataram o oficial da PM por atropelamento, após assaltarem empresa

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto
Os dois ladrões que atropelaram e mataram o tenente Ricardo Taborda, do 23° Batalhão da Polícia Militar (23°BPM), na noite de ontem no Contorno Sul, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC), morreram em confronto na manhã desta terça-feira (3). O tiroteio com a PM aconteceu próximo ao clube de funcionários da Bosch, não muito distante do local em que o oficial foi morto, depois de ser atingido pela caminhonete roubada pelos marginais.

Os bandidos roubaram uma distribuidora de gás em Fazenda Rio Grande, região metropolitana de Curitiba, no início da noite, e fugiram com a caminhonete de um cliente. Para escaparem de um cerco no Contorno Sul, os marginais jogaram o veículo contra o tenente, que não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo.

Após a morte do tenente, mais de 100 policiais militares isolaram a região e conseguiram localizar os suspeitos, conforme explicou à Banda B o coronel Hudson, do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da PM.

“Logo após a informação sobre a ocorrência foi feito um isolamento da região. Um cão de faro nos orientou por um caminho e localizamos os suspeitos, onde aconteceu um confronto armado e os dois acabaram morrendo”, explicou.

“Sacrifício da própria vida”

Também no local, o coronel Nivaldo Marcelo da Silva, comandante do 23° BPM, lamentou a morte do companheiro de farda. “É um momento muito triste. Nosso juramento é de fazer a nossa missão inclusive com o sacrifício da própria vida. Transmitimos nossas condolências aos familiares e também a toda a PM”, relatou.

Comoção

O tenente Taborda era casado e tinha um filho de três anos. A morte dele gera intensa comoção nas redes sociais, uma vez que o oficial era muito querido por todos.

Fonte: AN Notícias com Banda B

Galeria de Imagens