Carregando...

Alerta!

logo Seu problema é falta de sexo” diz sargento para PM mulher e caso vai parar na delegacia - Notícias - AN Notícias Seu problema é falta de sexo” diz sargento para PM mulher e caso vai parar na delegacia - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 04 de Dezembro de 2020

SAIBA MAIS

30/04/2019 12h11

Seu problema é falta de sexo” diz sargento para PM mulher e caso vai parar na delegaciaA vítima registrou um Boletim de Ocorrência (B.O.) por injúria contra o superior

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto
Uma policial militar de Curitiba registrou um Boletim de Ocorrência (B.O.) contra um sargento por injúria depois que ele fez comentários desrespeitosos contra ela e as mulheres em geral durante o expediente. De acordo com a denúncia, ao ouvir uma conversa dela com outro colega, sobre o estresse que passava no trabalho, ele disse “o seu problema é falta de sexo”.

Segundo o relato que chegou à Banda B, o sargento já tratava as policiais mulheres de forma “desrespeitosa e vulgar”, até mesmo as assediando. Apesar das acusações, o caso só foi parar na polícia depois dos comentários que fez para a colega.

“O seu problema é falta de sexo, de arrumar alguém que te leve para o motel, puxe o seu cabelo e te coma gostoso”, afirmou o sargento para a policial, segundo o B.O. Ela retrucou, dizendo que esse não era o problema e que respeita a pessoa com quem tem um relacionamento.

O homem, no entanto, continuou: “É o seu problema sim, né que é o problema dela? Né que o problema dela e de toda mulher estressada é falta de sexo, transar?”.

Muito nervosa, a mulher saiu chorando da sala e levou a situação para o seu comandante. O B.O. ainda informa que a vítima tem testemunhas que presenciaram a situação e podem corroborar com a história. Agora, ela tem um prazo de 180 dias para representar contra o sargento.
O que diz a PM

Sobre o caso, a Banda B entrou em contato com a Polícia Militar, que enviou a seguinte nota:

A PM conta com mecanismos internos para apuração de conduta de seus integrantes e quando há denúncia elas são apuradas e, se ficar comprovada alguma irregularidade, os envolvidos sempre são responsabilizados dentro das normas e da lei.
Fonte: AN Notícias com Banda B

Galeria de Imagens