Carregando...

Alerta!

logo Vereadores de Curitiba entram na Justiça para receber 13º salário retroativo - Notícias - AN Notícias Vereadores de Curitiba entram na Justiça para receber 13º salário retroativo - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 19 de Setembro de 2018

SAIBA MAIS

Semana do Trânsito - Dia da Escola Bíblica - Dia do Ortopedista - Dia de São Januário - Dia do Comprador -
22/02/2018 01h22

Vereadores de Curitiba entram na Justiça para receber 13º salário retroativoAtualmente, o pagamento dos parlamentares é de R$ 15.156,70

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto
Onze vereadores de Curitiba e três ex-parlamentares entraram na Justiça, em uma única ação, para pedir o pagamento do 13º salário retroativo dos últimos quatro anos. A solicitação foi feita durante o recesso.

Os vereadores também protocolaram na Câmara Municipal, nesta terça-feira (20), o pedido de inclusão no orçamento de uma reserva para pagar o benefício em 2018 – valor que ultrapassa R$ 1,1 milhão. Atualmente, o salário dos vereadores em Curitiba é de R$ 15.156,70.

Os parlamentarem que entraram com a ação da Justiça são: Beto Moraes (PSDB), Bruno Pessuti (PSD), Cacá Pereira (PSDC), Colpani (PSB), Geovane Fernandes (PTB), Jairo Marcelino (PSD), Julieta Reis (DEM), Toninho da Farmácia (PDT), Rogério Campos (PSC), Tito Zeglin (PDT) e Sabino Picolo (DEM).

Entre os ex-parlamentares estão Ailton Araújo, Tiago Augusto Gevert e Zé Maria. A Justiça agora deve julgar a ação dos vereadores.

Apesar do Supremo Tribunal Federal (STF) ter reconhecido, em fevereiro de 2017, que prefeitos, vice-prefeitos e vereadores têm direito ao 13º salário e ao terço de férias, o Tribunal de Contas do Paraná (TCE) decidiu que esses benefícios só podem ser pagos a partir da próxima legislatura.
Fonte: AN Notícias com Banda B