Carregando...

Alerta!

logo (IBGE) divulgou os índices consolidados da produção industrial brasileira  - Notícias - AN Notícias (IBGE) divulgou os índices consolidados da produção industrial brasileira - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 28 de Novembro de 2021

SAIBA MAIS

Dia do Soldado Desconhecido - Dia de São Rufo -
09/02/2011 23h51

(IBGE) divulgou os índices consolidados da produção industrial brasileira Produção industrial tem alta de 14,2% no Paraná em 2010

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta quarta-feira (9), os índices consolidados da produção industrial brasileira em 2010. Das 14 regiões pesquisadas, o Paraná alcançou o quinto melhor resultado: 14,2% de aumento. Entre os setores que contribuíram para esse resultado, estão os automotores (caminhões), que tiveram aumento de 57,6%; máquinas e equipamentos (tratores e máquinas para colheita), que cresceram 24,5% e alimentos (carnes, miudezas de aves e açúcar cristal), com aumento de 8,3%.

O crescimento da produção industrial reflete os bons resultados do primeiro semestre do setor no Paraná, de acordo com o economista da Coordenação da Indústria do IBGE, Fernando Abritta. Nos dois últimos trimestres, houve desaceleração de 9,6%, ocasionada por causa da estratégia do Banco Central em aumentar os juros para conter a inflação; acúmulo de estoques e paralisações para férias coletivas e manutenção que costumam ser feitos em dezembro. “Outro fator [que contribuiu para reduzir o ritmo da indústria] é que as exportações também estão em queda, pois a economia internacional ainda não se recuperou totalmente da crise financeira internacional de 2008”, explica Abritta.

No primeiro semestre, o crescimento da indústria foi de 19,4% no Paraná. O IBGE explica que este movimento na indústria foi semelhante em outras partes do país, mas que foi registrado crescimento porque a base de comparação, que é o ano de 2009, foi considerada baixa.

Ao longo do ano, setores da indústria que contribuíram para frear o crescimento na produção foram a área de refino de petróleo e produção de álcool, que diminui 8,4% em função de menor procura de produtos químicos, adubos e fertilizantes.


Brasil

Em todo o país, os maiores destaques do aumento da produção industrial foram o Espírito Santo, com crescimento de 22,3%; Goiás, onde a indústria cresceu 17,1%; Amazonas, estado que registrou crescimento de 16,3%; e Minas Gerais, onde a produção ficou 15% maior.

Fonte: G1

Galeria de Imagens