Carregando...

Alerta!

logo 1ª fase do vestibular teve quase 10% de ausentes; confira gabarito - Notícias - AN Notícias 1ª fase do vestibular teve quase 10% de ausentes; confira gabarito - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 27 de Novembro de 2020

SAIBA MAIS

Dia Nacional do Combate ao Câncer - Dia da Infância - Dia de São Máximo e Dia do Técnico de Segurança no Trabalho -
11/11/2013 11h19

1ª fase do vestibular teve quase 10% de ausentes; confira gabaritoDe acordo com coordenadora da Cops, 2.173 não compareceram à prova

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

O porcentual de ausentes na 1ª fase do vestibular da Universidade Estadual de Londrina (UEL), realizado ontem, manteve-se próximo do ano passado. Este ano, dos 22.700 inscritos, 2.173, ou seja, 9,57%, não compareceram para fazer a prova. Em 2012 a abstenção foi de 9,39%. A coordenadora da Coordenadoria de Processos Seletivos (Cops), Cristina Simon, afirmou que é o número de ausentes é considerado baixo. Entre os 48 inscritos no sistema penitenciário apenas dois se ausentaram, por terem saído em liberdade. O gabarito foi divulgado no domingo (10).

A Cops considerou tranquila a realização da prova. Apenas uma candidata teve de deixar o local do vestibular por ter passado mal. “Ela teve uma espécie de síndrome do pânico e não conseguiu ficar na sala.” A coordenadora também relatou a substituição de duas provas: “A impressão não estava boa e para [os candidatos] não se sentirem prejudicados, nós trocamos.”

Cristina Simon disse que quantidade de candidatos atrasados também foi pequena. “Tivemos poucos casos. Acreditamos que essa estratégia de pedir para as pessoas chegarem com duas horas antecedência [em função das obras da PR-445] ajudou. Pensamos em estender essa recomendação para os próximos anos.” No Centro de Educação, Comunicação e Artes (Ceca), um vestibulando não conseguiu fazer a prova. Ele chegou segundos depois de o portão fechar e, chorando, teve de ir embora amparado pela mãe.

Larissa Marin foi bastante prevenida para não passar por isso. Moradora em Cornélio Procópio (distante 60 km de Londrina), às 11 horas já estava no campus. “Achei melhor vir bem cedo, assim fico mais tranquila.” Os alunos enfrentaram 60 questões objetivas de Física, Química, Matemática, História, Geografia, Sociologia, Filosofia, Artes, Biologia. Erick Molinari, 17 anos, de Arapongas estava prestando para Agronomia. “Achei bem mais puxado do que eu esperava. As questões de Química foram as mais difíceis ”, disse.

Daiane Rossi, 17 anos, veio de Medianeira e quer uma vaga em Medicina. “A prova não estava difícil, mas era complexa. Exigia calma para resolver as questões.” Ana Beatriz Marchini, 17 anos, veio do Mato Grosso e também quer Medicina. “Esperava mais de mim, para ajudar essa gripe me pegou”, disse. A garota estava bastante gripada, já tinha feito um vestibular em Maringá e ainda tem vários outros pela frente, o próximo já no dia 24 de novembro em Goiás.

Aqueles que quiserem entrar com recurso têm o prazo de dois dias úteis e o resultado sai no dia 21 de novembro. A 2ª fase ocorre nos dias 1º e 2 de dezembro, com 20 questões de língua portuguesa, 10 de língua estrangeira e 12 discursivas de conhecimento específico, além de duas a quatro redações. No dia 3 ocorre a prova de habilidades.

Fonte: Jornal de Londrina