Carregando...

Alerta!

logo “O governador que fizer oposição à sua capital é um cretino”, diz Greca - Notícias - AN Notícias “O governador que fizer oposição à sua capital é um cretino”, diz Greca - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 21 de Outubro de 2018

SAIBA MAIS

Dia do Contato Publicitário - Dia de Santa Úrsula - Dia Nacional da Somália -
07/10/2018 08h48

“O governador que fizer oposição à sua capital é um cretino”, diz GrecaO prefeito também falou sobre a possibilidade de eleição de um governo de oposição

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

O prefeito de Curitiba, Rafael Greca (PMN), votou no final da manhã deste domingo (7), no Centro da capital. Ele estava acompanhado pela esposa, Margarita Sansone, que usou a fila preferencial para votar. Greca optou por permanecer na fila.

Por causa de problemas na biometria, ele precisou aguardar 45 minutos para votar e deixou o local após as 13h. “Pode se esperar muito mais pelo bem do Brasil. Esperaria e vida toda”, disse, chorando. “Fico emocionado porque vejo o Brasil muito vilipendiado. Tenho muita sede de ver o Brasil no seu grande lugar, seu grande destino”.

Em entrevista à imprensa, o prefeito ressaltou o voto com “harmonia”. “Votar pelo bem do Brasil, votar com harmonia, com respeito aos outros, com grande vontade de ver nosso país avançar para um grande destino”, disse.

“Eu nasci em um país democrático, mas cresci e estudei na ditadura. Então, vi com grande entusiasmo, sempre, o processo democrático. Fui vereador na primeira eleição democrática que o Brasil teve. A eleição é sempre um momento de decisão, importante. Ela pede respeito aos que pensam diferente da gente e pede muita seriedade, não só na apuração como na elaboração das propostas”, disse.

 

Greca ainda afirmou que vê o momento com entusiasmo e que é preciso superar eventuais “traumas”. “Eu ainda quero viver até ver essa grande nação em seu grande rumo, o rumo que todos os brasileiros sonhamos”.

O prefeito também falou sobre a possibilidade de eleição de um governo de oposição – o candidato Ratinho Jr., do , é líder, segundo último levantamento do Ibope. Para Greca, a possível eleição não deve influenciar as relações entre prefeitura e governo estadual.

“Não acredito que qualquer pessoa tenha coragem de fazer oposição à Curitiba. O governador que fizer oposição à sua capital é um cretino. Não vai acontecer isso”, disse.

“Vou contagiá-lo com minha alegria de servir Curitiba e os curitibanos. Eles será convertido à causa de Curitiba”.

Greca também disse ser adepto da “causa da integração dos serviços”, e ressaltou a necessidade de integrar o transporte. “Curitiba precisa de governos – estado e federal – entusiasmados com a causa metropolitana, a ideia de que a grande cidade é uma só, a rede pública de transporte tem que ser uma só, a agência de transporte tem que ser comum, que dê governança às várias linhas de transporte, uma malha viária comum. Porque já temos rede única de saúde, de turismo, precisamos de uma rede única de serviços públicos”, disse.

Fonte: AN Notícias com PR UOL