Carregando...

Alerta!

logo Rumo à eleição: amigos abandonam Beto Richa depois das graves denúncias - Notícias - AN Notícias Rumo à eleição: amigos abandonam Beto Richa depois das graves denúncias - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 17 de Agosto de 2018

SAIBA MAIS

Dia do Patrimônio Histórico - Dia de Vulcano - Dia do Amor - Dia do Porco - Dia Municipal do Camelô -
15/05/2018 05h59

Rumo à eleição: amigos abandonam Beto Richa depois das graves denúnciasUm ex-secretário anda dizendo que Beto é o futuro Sérgio Cabral do PR

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

Amigo da onça
Política é um jogo ingrato. Assim que o sujeito perde o poder, perde também muitos dos “amigos” que estavam com ele. Beto Richa está nesta fase. Além de deixar o governo, enfrenta acusações sérias. Agora, ninguém mais quer saber dele. Um ex-secretário anda dizendo por aí, por exemplo, que Beto é o futuro Sérgio Cabral. “Se arrependimento matasse, eu estava seco e duro por ter aceitado entrar no governo”, diz.

Pau puro
Se os amigos viram as costas, os inimigos continuam onde sempre estavam. Roberto Requião aproveitou a queda do adversário, que disputa o Senado com ele, e bateu duro no Twitter. “Reafirmo que sou absolutamente contrário a prisão preventiva de Beto Richa. A ele deve ser dado o direito a ampla defesa e só deverá ser preso, se condenado, após trânsito em julgado de sua sentença. Pau puro na eleição, isto ele merece! Claro assim?”

Beto x Requião
Aliás, nesta quarta sai a primeira pesquisa comparando as intenções de voto de Beto, Requião e todos os outros pré-candidatos ao Senado. O levantamento é da Radar, encomendado pelo Paraná Portal, e também mede a quantas anda a disputa pelo governo do estado.

Leia mais: Rumo à eleição: mais problema para Beto; Alvaro vai mal na CNT

A aflição palaciana
Quem deve estar mais aflita é a governadora Cida Borghetti. Se depois de um mês de gestão ela não aparecer com números bons na pesquisa, começa a perder apoios.

Barros e as obras
Marido de Cida, Ricardo Barros está pegando leve na produção legislativa desde que voltou à Câmara dos Deputados. Desde que não é mais ministro da Saúde, apresentou só um projeto de lei. Quer que obras feitas para uma finalidade possam ser usadas para outra.

Outra urgência de Greca
A todas essas, a Câmara de Curitiba aprovou regime de urgência para uma mudança no contrato da cidade com a Sanepar. Só a petista Professora Josete chiou, dizendo que as coisas não podem ser feitas sempre na pressa. Os aliados de Greca dizem que é importante para fazer logo novas ligações e não emperrar o repasse de verbas.

Galeria de Imagens