Carregando...

Alerta!

logo Alexandre Frota critica verba para programa de Giovanna Ewbank e diz que moleza acabou - Notícias - AN Notícias Alexandre Frota critica verba para programa de Giovanna Ewbank e diz que moleza acabou - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 18 de Agosto de 2019

SAIBA MAIS

Dia do Estagiário - Dia do Santo Agapito -
20/04/2019 12h34

Alexandre Frota critica verba para programa de Giovanna Ewbank e diz que moleza acabouGravado em Fernando de Noronha, “No Paraíso – com Gio Ewbank” foi alvo de críticas de Alexandre Frota

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

As polêmicas quanto ao incentivo dado pelo governo a programas televisivos, principalmente os exibidos em canais do Grupo Globo, continuam repercutindo. Desta vez, o “No Paraíso – com Gio Ewbank”, de Giovanna Ewbank, foi o alvo da vez.

Veja Também: Maju Coutinho quebra protocolo e mostra o que tem atrás da bancada do “JN”

O agora deputado federal Alexandre Frota (PSL-SP) criticou o fato do programa, de 16 episódios e exibido no GNT, ter recebido R$ 2.992.514,25 da Lei Audiovisual. O repasse vai de setembro de 2018 até dezembro de 2021.

Veja Também: Alexandre Frota é condenado a indenizar Gilberto Gil

A atração, na qual a esposa de Bruno Gagliasso, ao lado de celebridades como Preta Gil e Bruna Marquezine, passa por vários pontos de Fernando de Noronha, conta com Débora Ewbank, mãe de Giovanna, como personal sylist. Gian Lucca, irmão dela, é o repórter.

Segundo Frota, desde pouco antes de tomar posse, ele tentou barrar os incentivos ao programa. Hoje membro titular da Comissão de Cultura do Governo, ele afirmou que “esse tipo de coisa não terá mais moleza”, que a atração tem “audiência pífia”.

Veja Também: Após aparecer com vibrador, Giovanna Ewbank ganha produtos eróticos

“É uma produção cara para um programa que tem uma audiência pífia […] A CPI da Cultura já tinha terminada, e o Bruno [Gagliasso], com a influência dele, conseguiu com que ela [Giovanna] fosse atendida”, disse, em um áudio.

Ao blog de Leo Dias, do UOL, a assessoria da atriz afirmou que o programa é feito por uma produtora independente, onde Giovanna não tem participação acionária, sendo apenas prestadora de serviço.

Veja Também: “Verão 90”: Jerônimo descobre armadilha contra Janaína e impede desastre

“Na verdade o Alexandre está querendo aparecer e usar nomes de pessoas famosas, mas sem checar as informações, por isso ele vem sendo processado e condenado pelo judiciário por conta das informações inverídicas que ele vem divulgando”, completou a nota.

Embora as farpas, Frota até pode ter razão no argumento: na última aferição de audiência dos canais pagos, o GNT não apareceu nem entre os 20 primeiros canais mais assistidos no país na plataforma.

Fonte: AN Notícias com Terra

Galeria de Imagens