Carregando...

Alerta!

logo Holloway nocauteia Aldo e mantém cinturão no UFC 218 - Notícias - AN Notícias Holloway nocauteia Aldo e mantém cinturão no UFC 218 - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 17 de Dezembro de 2017

SAIBA MAIS

Dia de São Lázaro - Dia de São Franco de Sena -
03/12/2017 11h34

Holloway nocauteia Aldo e mantém cinturão no UFC 218Assim como no primeiro encontro, havaiano vence novamente o ídolo brasileiro

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto
Não deu para o "Campeão do povo". De novo. Na madrugada deste sábado, em Detroit (EUA), José Aldo foi derrotado por Max Holloway na luta principal do UFC 218. O desfecho foi o mesmo do primeiro encontro no UFC 212, em junho deste ano. Depois de começar bem, Aldo caiu de produção, viu o havaiano crescer e acabou nocauteado no terceiro round.

Assim como no primeiro combate, José Aldo e Max Holloway travaram um equilibrado duelo nos dois primeiros rounds. Com muita movimentação e troca de golpes, o ex-campeão mostrava estar com a esquiva em dia e tentava surpreender o havaiano nos contragolpes. Mas tudo baseado apenas na trocação. Nas poucas vezes que usou os chutes baixos Aldo se saiu bem. Porém, Holloway tentava induzir o brasileiro para uma trocação franca, chegando a baixar a guarda e o provocar com gestos.

No terceiro e derradeiro round, Holloway aumentou o ritmo do combate e com o seu volume de golpes, obrigou o brasileiro a lutar na curta distância. Mostrando mais velocidade e potências nos socos, o campeão foi minando José Aldo aos poucos, fazendo o brasileiro tentar derrubá-lo de qualquer jeito.

A tentativa de queda de José Aldo foi o começo do fim, pois, assim como no Rio de Janeiro, Max Holloway caiu por cima do brasileiro, dando início a uma chuva de golpes. Com Aldo sofrendo vários socos por baixo, o árbitro Herb Dean foi obrigado interromper o combate faltando nove segundos para o fim do round.

Com o resultado, Max Holloway emplacou a sua 12ª vitória seguida e defendeu o seu cinturão pela primeira vez no UFC. Enquanto José Aldo, amarga a quarta derrota em seu cartel, sendo a segunda consecutiva, algo inédito na carreira do ex-campeão.

Francis Ngannou aplica um nocaute brutal sobre Overeem
No co-evento principal, o sensação camaronesa, Francis Ngannou não tomou conhecimento do veterano Alistair Overeem. Em menos de dois minutos, o africano acertou um lindo gancho de esquerda, desabando o holandês imediatamente.
Fonte: AN Notícias com Terra