Carregando...

Alerta!

logo Joel Malucelli se apresenta no Gaeco após ser alvo de investigações - Notícias - AN Notícias Joel Malucelli se apresenta no Gaeco após ser alvo de investigações - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 12 de Novembro de 2018

SAIBA MAIS

Dia do Supermercado e Dia de São Martinho -
14/09/2018 01h31

Joel Malucelli se apresenta no Gaeco após ser alvo de investigaçõesEm sabatina João Arruda se manifesta sobre a prisão de seu sogro; “Eu nunca fiz política com meu sogro”

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

O empresário Joel Malucelli, sogro do candidato João Arruma (MDB), investigado na Operação Rádio Patrulha, chegou a Curitiba na manhã desta sexta-feira (14). Ele se apresentou na sede do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) pouco depois das 9h.

Além de Malucelli, também estão no Gaeco outros investigados que foram presos na última terça-feira (11): o ex-governador Beto Richa; sua esposa Fernanda Richa; o ex-secretário de Assuntos Estratégicos na gestão Richa, Edson Casagrande; e André Bandeira.

De acordo com informações divulgadas no local, os depoimentos devem seguir a ordem: Edson Casagrande, André Bandeira, seguido por Beto Richa e, por último, Fernanda. 

No depoimento realizado na quinta-feira (13), Pepe Richa, irmão de Beto Richa, permaneceu calado. Também prestaram depoimento os investigados Dirceu Pupo, Aldair Petry, o empresário Celso Frare e o primo de Beto Richa, Luiz Abi Antoun, que está preso em Londrina.

Na condição de informante foram ouvidos ainda André Richa e o representante da empresa Cotrans, Bruno Sarmento.
 

“Eu nunca fiz política com meu sogro”



João Arruda, candidato ao governo do Estado pelo MDB, participou ontem da sabatina da Gazeta do Povo. Entre os assuntos tratados foi perguntado como a ordem de prisão a Joel Malucelli, seu sogro, afetaria sua campanha. A resposta: “Não afeta em absolutamente nada. O meu sogro é pai da Paola, minha mulher. Mas a Paola não tem nada a ver com isso, ela não tem nada a ver com as empresas que estão sendo investigadas. Eu nunca fiz política junto com o meu sogro. Eu não conheço detalhes sobre esse processo. Eu ouvi algumas pessoas falarem sobre essas gravações que envolvem o Joel Malucelli. Eu tenho que acreditar na sua inocência. Me surpreendi, sim, com o fato de saírem acusações contra ele”.

Aproveitou a ocasião para chamar atenção para as diferenças de linhas partidárias que cada um segue e também, para alfinetar Ratinho Jr por negar conhecimento sobre os esquemas investigados no programa Patrulha do Campo: “Meu sogro é de outro partido, o Podemos. Foi do PSD, partido do Sciarra, do Ratinho Jr. Acho muito estranho que o Ratinho venha dizer que não sabia de nada. Se ele não sabia de nada, trabalhando junto, governanado lado a lado com o Beto Richa, ele não tem condições de governar.

Fonte: Blog Fábio Campana

Fonte: AN Notícias com Massa News

Galeria de Imagens