Carregando...

Alerta!

logo Secretaria de Educação realiza segundo chamamento de professores em Londrina - Notícias - AN Notícias Secretaria de Educação realiza segundo chamamento de professores em Londrina - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 28 de Maio de 2018

SAIBA MAIS

Dia do Ceramista - Dia da Recordação - Dia do anjo da guarda - Dia do Educador -
23/01/2018 11h05

Secretaria de Educação realiza segundo chamamento de professores em LondrinaConvocados têm até esta quinta-feira (25), às 18 horas, para se apresentarem

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto
Na manhã desta terça-feira (23), a Secretaria Municipal de Educação deu início ao segundo chamamento de professores para o preenchimento dos postos de trabalho remanescentes nas unidades escolares de Londrina. Ao todo, foram convocados mais 74 docentes, aprovados no concurso nº 172/2015.

Durante a convocação, os profissionais puderam escolher a escola municipal em que desejam trabalhar nos próximos anos. Segundo a assessora pedagógica da Secretaria Municipal de Educação, Mariângela de Sousa Prata Bianchini, ainda restavam vagas na maioria das escolas de todas as regiões da cidade. Dos 74 docentes, 46 são professores de Ensino Fundamental, 27 de Educação Infantil e um Educador Físico.

A secretária municipal de Educação, Maria Tereza de Moraes, explicou que os novos servidores são importantes para o Município, visto que vão ajudar na recomposição do quadro de profissionais de ensino e na redução do pagamento das horas extraordinárias. “Criamos as vagas para suprir a falta de profissionais no quadro de professores e, com esse número de 505, conseguimos colocar educadores em todas as salas de aula como professores titulares, sem a necessidade de hora extraordinária. Isso é uma questão de qualidade no ensino e equalização do trabalho”, disse.

Todos os presentes já saem da convocação com a lista de exames admissionais que devem ser realizados e com a data prevista para a perícia médica da Prefeitura. Eles devem tomar posse e iniciar os trabalhos na rede municipal provavelmente em março, assumindo o primeiro bimestre do ano letivo.

A professora de ensino fundamental, Geocélia Alves Ribeiro, foi uma das profissionais que aceitou o cargo e escolheu a vaga para o trabalho. Ela já atua como professora da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e agora trabalhará com as crianças do 1º ao 5º ano. “Estou super empolgada, porque amo o que eu faço e tenho o maior prazer em lecionar e em trabalhar na área da educação. É o que me dá satisfação na vida e me deixa muito feliz. Quando fizeram uma nova convocação, eu estava no meio, fiquei muito feliz”, disse.

Não comparecimentos - Dos 74 professores, apenas 13 não compareceram nesta terça-feira (23). Eles terão dois dias úteis para se apresentarem à Secretaria Municipal de Recursos Humanos, das 12h às 18h, no segundo andar da sede administrativa da Prefeitura, localizada na Avenida Duque de Caxias, 635, Centro Cívico.

Aqueles que não comparecerem até às 18 horas de quinta-feira (25), serão automaticamente desclassificados no concurso. Após o fechamento dos dados, os técnicos da SMRH publicam um novo edital de chamamento para o preenchimento das vagas remanescentes, o que deve levar cerca de 15 dias.

A intenção dos técnicos da Secretaria Municipal de Educação é realizar quantos chamamentos forem necessários para preencherem as 505 vagas de professores e os fazerem da maneira mais ágil possível. “Sabemos que tem a questão da folha de pagamento e os trâmites burocráticos, mas estamos trabalhando com o RH para encontrarmos soluções e conseguirmos fazer tudo o mais rápido possível. A intenção é que até o mês de abril consigamos preencher todas as 505 vagas para solucionarmos isso ainda no primeiro bimestre escolar”, ressaltou Mariângela.

Sobre os cargos - Os professores concursados ministrarão aulas para as séries iniciais do Ensino Fundamental, de Educação Física e Educação Infantil. Os que assumirem o Ensino Fundamental trabalharão em uma jornada de 20 horas semanais, e os de Educação Infantil atuarão 30 horas por semana.

Para isso, os professores de Educação Infantil receberão o equivalente a R$3.575,38. Já os docentes de Educação Física e do Ensino Fundamental receberão um salário de R$2.606,15.

Primeiros convocados - Os primeiros convocados pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Educação, estão em fase de realização da perícia médica e devem se apresentar à Secretaria Municipal de Recursos Humanos para tomarem posse do cargo público a partir desta quinta-feira (25). Por isso, a previsão é que eles iniciem os trabalhos no início do ano letivo, no dia 5 de fevereiro.

Dos 505 novos professores, 170 são para suprir a necessidade na educação infantil, 312 para o ensino fundamental e outros 23 para as atividades de educação física. Hoje, a Secretaria Municipal de Educação tem cerca de quatro mil professores, que atuam na educação de 43 mil crianças de Londrina, distribuídas em aproximadamente 120 unidades escolares municipais, sendo 85 de Séries Iniciais do Ensino Fundamental e outros 32 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs).
Fonte: AN Notícias com PM Londrina