Carregando...

Alerta!

logo Shoppings e galerias reabrem a partir de amanhã em Londrina - Notícias - AN Notícias Shoppings e galerias reabrem a partir de amanhã em Londrina - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 20 de Setembro de 2020

SAIBA MAIS

Dia do Gaúcho - Dia de Santo André Kim e São Paulo Chong - Dia do Papeleiro - Dia do Coletor de Lixo - Santo Eustáquio -
07/05/2020 01h01

Shoppings e galerias reabrem a partir de amanhã em LondrinaPrefeitura irá publicar decreto liberando as atividades

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, anunciou na noite desta quinta-feira (07) que o Coesp (Centro de Operações de Emergências em Saúde Pública) decidiu flexibilizar as medidas de isolamento e autorizou a reabertura de shoppings centers e galerias na cidade, com a definição de medidas de controle.

O anúncio é feito logo depois da reunião com membros do conselho, que inclui médicos e profissionais técnicos. Apesar da autorização dos shoppings, as academias devem ficar fechadas por pelo menos mais uma semana.

Ainda conforme o prefeito, um decreto será publicado logo nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira definindo o retorno das atividades, no entanto, a reabertura já está prevista para acontecer amanhã, em razão das compras do Dia das Mães.

Uma das medidas que deve ser adotada é a medição da temperatura dos visitantes e funcionários de shoppings e galerias. Londrina tem 8 shoppings de todos os portes e várias galerias, das quais, o camelódromo no Centro é a mais conhecida.

O prefeito citou o decreto do governador Ratinho Junior que definia a suspensão do funcionamento dos shoppings e galerias no Paraná, no entanto, com a nova decisão judicial que permite a reabertura do comércio em Londrina, essa decisão sobre shoppings também cabe às prefeituras, cada uma observando seus critérios e necessidades.

“O decreto do governador fica valendo, mas é como uma indicação apenas. Isso quem vai definir, sobre a abertura ou não, são as prefeituras”, disse.

IGREJAS

Belinati também falou que as Igrejas podem permanecer abertas normalmente, mas sem a celebração de cultos. Por força de um decreto estadual, as atividades das igrejas no estado estão restritas a aconselhamentos individuais, apenas.

Fonte: AN Notícias com 24 Horas