Carregando...

Alerta!

logo TJ mantém decisão que condenou ex-prefeito em Mandaguari - Notícias - AN Notícias TJ mantém decisão que condenou ex-prefeito em Mandaguari - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 07 de Agosto de 2020

SAIBA MAIS

Dia de São Caetano -
11/07/2015 05h42

TJ mantém decisão que condenou ex-prefeito em MandaguariCyllêneo Pessoa Pereira Júnior (PP), teve a perda dos direitos políticos por oito anos

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

O Tribunal de Justiça do Paraná (TJ/PR) manteve decisão da Justiça de Mandaguari que condena o ex-prefeito de Mandaguari, Cyllêneo Pessoa Pereira Júnior (PP), a perda dos direitos políticos por oito anos e multa por uma obra de terraplanagem na empresa Prorelax, no ano de 2010.

Na época, a empresa ressarciu o município do combustível utilizado para o serviço em três finais de semana. O entendimento da Justiça é que houve infração à legislação.

Na defesa, o ex-prefeito alegou que esse tipo de atendimento sempre foi praxe em administrações como forma de fomentar a geração de empregos nas cidades.

Com a decisão do órgão, o ex-prefeito fica proibido, tanto de se candidatar em eleições até o ano de 2023, como também não pode exercer cargos na administração pública, fato que ocorre atualmente como chefe de gabinete da Secretaria de Planejamento do Estado.

Em função do recurso que deve impetrar junto ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) em Brasília, e como o caso ainda não transitou em julgado, o ex-prefeito do município entre os anos de 2005 e 2012 deve manter o cargo que ocupa.

Caso decida por ser candidato nas eleições de 2016 no município, Cileninho dependerá de uma reviravolta no STJ para entrar na disputa e eventualmente assumir o mandato em caso de vitória.

Fonte: AN Notícias com TJ-PR

Galeria de Imagens