Carregando...

Alerta!

logo Jovem morre após extração de dentes em Maringá - Notícias - AN Notícias Jovem morre após extração de dentes em Maringá - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 19 de Fevereiro de 2020

SAIBA MAIS

Dia do Esportista - Dia de São Bonifácio - Foi fundada a cidade Rio Grande e Dia do Dhama Magha Puja -
04/07/2013 07h11

Jovem morre após extração de dentes em MaringáDentista não receita medicação após tirar dentes de rapaz, e paciente morre em Maringá

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

Segundo informações do site camerarec, um jovem de 23 anos acabou perdendo a vida após ter extraído dois dentes do siso.

Fernando de Oliveira Marques havia iniciado um tratamento dentário com colocação de aparelho ortodôntico em um consultório dentário localizado no centro da cidade de Maringá. No último dia 19, o jovem retornou ao consultório e a cirurgiã dentista que atendia o paciente, extraiu dois dentes de siso do rapaz, que segundo a família, retornou para casa sem receita para tomar antibiótico.

Segundo a mãe de Marques, foi indicado apenas um remédio contra dor. Mas as dores pós- operatório não cessaram, pelo contrário, chegaram a um ponto em que o jovem precisou buscar ajuda em uma Unidade de Pronto Atendimento localizado na Zona Norte de Maringá. Mesmo medicado com soro Tramal, no dia seguinte as dores aumentaram ainda mais e o paciente já não conseguia se alimentar, passou a ter dor de cabeça, dor no pescoço e apresentava inchaço nos membros superiores.

Quatro dias depois da extração dentária, no dia 24 de junho, Fernando foi internado no Hospital Universitário apresentando urgência médica. Exames médicos indicaram que a infecção dentária havia descido para o pulmão,  causado pneumonia, e obrigando a realização de uma drenagem que retirou dois litros de pus.

Ainda segundo a família, os médicos explicaram que o rapaz precisava passar por uma cirurgia no pescoço e tórax, e que o procedimento seria de alto risco. Após sair do centro cirúrgico, Fernando foi induzido ao coma e passou por uma traqueostomia.

Segundo os médicos que operaram o rapaz, seu corpo havia sido tomado por bactérias e suas chances de sobrevivência era de apenas dois por cento. Na madrugada do dia seguinte, Fernando Marques acabou falecendo. Segundo o repórter André Almenara, o atestado de óbito apontou choque séptico, mediastinite e abcesso dentário.

Fonte: Cameranorec

Galeria de Imagens