Carregando...

Alerta!

logo Brasil aceita pedido de asilo de 25 militares venezuelanos - Notícias - AN Notícias Brasil aceita pedido de asilo de 25 militares venezuelanos - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 04 de Agosto de 2020

SAIBA MAIS

Dia da Campanha Educativa de Combate ao Câncer - Dia de Sta. Clara - Dia do Padre -
30/04/2019 10h54

Brasil aceita pedido de asilo de 25 militares venezuelanosMais cedo, Guaidó convocou as Forças Armadas e a população para apoiar a fase final da chamada Operação Liberdade

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

O governo do presidente Jair Bolsonaro aceitou nesta 3ª feira (30.abr.2019) o pedido de asilo de 25 militares venezuelanos. A informação foi confirmada pelo porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros.

Eles ficarão na embaixada brasileira na Venezuela. As solicitações vieram em meio às manifestações convocadas pelo presidente autodeclarado, Juan Guaidó.

Mais cedo, Guaidó convocou as Forças Armadas e a população para apoiar a fase final da chamada Operação Liberdade. O objetivo é dar fim ao governo de Nicolás Maduro.

A crise política na Venezuela voltou a ficar tensa nesta terça-feira, após o autoproclamado presidente interino Juan Guaidó —reconhecido como presidente do país pela Assembleia Nacional e mais de 50 países—orquestrar a soltura do líder opositor Leopoldo López, que estava em prisão domiciliar e, ao lado de militares, convocar a população às ruas para tirar Nicolás Maduro do poder. Em mensagem de vídeo divulgada por meio de seu Twitter, Guaidó disse que "o momento é agora", rodeado por membros das Forças Armadas, a quem o regime chavista agora acusa de "traição". Momentos depois, as ruas de Caracas começaram a se encher de manifestantes, que são reprimidos pelas forças chavistas. Tanto Guaidó quanto Maduro dizem ter o apoio dos militares.

Fonte: AN Notícias com MSN Brasil