Carregando...

Alerta!

logo Belinati decreta luto oficial pela morte de Dom Albano Cavallin - Notícias - AN Notícias Belinati decreta luto oficial pela morte de Dom Albano Cavallin - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 18 de Setembro de 2018

SAIBA MAIS

Dia dos Símbolos Nacionais - Dia da Televisão - Dia de Santa Sofia e São José de Cupertino - Semana da Comunidade -
02/02/2017 12h17

Belinati decreta luto oficial pela morte de Dom Albano CavallinO Prefeito Marcelo Belinati decretou luto oficial de três dias pelo falecimento do Bispo Emérito de Londrina, Dom Albano Bortoletto Cavallin

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto
A notícia da morte de Dom Albano, o terceiro Arcebispo de Londrina a ocupar o cargo, pegou de surpresa toda a sociedade londrinense, inclusive o prefeito Marcelo Belinati, que se encontra em Brasília. “Esta é uma notícia triste, pois Dom Albano foi um homem que transformava cada momento em que vivia em uma história interessante e um exemplo de humildade e amor ao próximo. Em suas homilias e conversas contagiava a todos com os pequenos contos e suas parábolas, falando do amor de Deus e de como buscar viver os ensinamentos da palavra de Deus e sua importância em nossas vidas”, salientou.

“Quero ressaltar aqui o importante papel que desempenhou à frente da Igreja em Londrina e da sua luta em prol das questões sociais em benefício, em especial dos mais desassistidos. Também lutou firmemente pelo fortalecimento das igreja, estando à frente da formação de novos sacerdotes e religiosas. Porém, seu principal papel foi o de ser um grande conciliador entre as religiões, trabalhando fortemente pelo ecumenismo”, enfatizou o prefeito, lembrando que Dom Albano também foi um dos mentores das Missões Populares, que teve início na Arquidiocese de Londrina e, posteriormente, se espalhou para outras dioceses brasileiras.

"Neste momento de luto, me coloco em oração para que Deus abençoe e conforte os corações de todos os que o conheceram e com ele conviveram durante o seu pastoreio à frente da Igreja Católica de Londrina e região", declarou Marcelo.

Sobre Dom Albano - Natural da Lapa, iniciou os estudos na vida religiosa ainda aos 10 anos, no Seminário Menor de Curitiba. Foi ordenado padre aos 24 anos, em Curitiba. Foi nomeado pelo Papa João Paulo II o segundo Bispo da Diocese de Guarapuava em 1986. Em maio de 1992 ele assumiu a Arquidiocese de Londrina, permanecendo até 2006, quando apresentou a sua carta de renúncia ao Papa Bento XVI, como pedem as leis da igreja, por ter completado 75 anos de vida. Desde a posse de Dom Orlando Brandes, em julho do mesmo ano, passou a ocupar o cargo de Bispo Emérito de Londrina.

Durante o seu trabalho em Londrina, Dom Albano trabalhou na formação do Clero, fundou o Seminário Propedêutico, trabalhou para a implantação da Pontifícia Universidade Católica (PUC) no Município, ajudou a implantar o curso de Teologia da PUC e a instalação do Diaconato.

Fonte: AN Notícias com PM Londrina

Galeria de Imagens