Carregando...

Alerta!

logo Junior da Femac faz balanço dos 100 dias de gestão em Apucarana - Notícias - AN Notícias Junior da Femac faz balanço dos 100 dias de gestão em Apucarana - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 18 de Maio de 2021

SAIBA MAIS

10/04/2021 00h09

Junior da Femac faz balanço dos 100 dias de gestão em ApucaranaPrioridade foram ações de enfrentamento do coronavírus

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

O prefeito Junior da Femac reuniu hoje (9) seu secretariado e lideranças apucaranenses, para apresentar um balanço dos 100 dias da sua gestão. Foram relatadas as realizações administrativas desenvolvidas neste período, incluindo obras, programas e serviços, além de projetos já lançados e que estão em fase de licitação.

A prioridade absoluta, conforme frisou o prefeito, foi o conjunto de ações efetivadas no enfrentamento da pandemia do novo Coronavírus. Neste contexto se incluem a manutenção do Pronto Atendimento do Coronavírus, com mais profissionais no atendimento; conquista de mais leitos de UTI e clínicos no Hospital da Providência; reforço no estoque de cilindros de oxigênio; e adesão ao consórcio de vacinas da Frente Nacional de Prefeitos (FNP).

O prefeito Junior da Femac informou que Apucarana já vacinou todas as pessoas até 68 anos, trabalhadores da saúde até 40 anos e acamados até os 60 anos. “A cidade foi a primeira a vacinar aos domingos no Paraná. E, neste fim de semana, estão sendo imunizadas as pessoas de 67, 66 e 65 anos”, informou.

Nestes 100 dias de 2021, em meio à pandemia e o conseqüente aumento das dificuldades para as famílias com maior vulnerabilidade, a Prefeitura de Apucarana entregou via CRAS e CREAS um total de 3.716 cestas básicas. Outras 1.488 cestas foram repassadas por meio das entidades sociais. E, para famílias que têm crianças nas escolas municipais foram entregues 14.471 cestas de alimentos, e mais 1.224 cestas de hortaliças e frutas, oriundas do Programa Terra Forte.

Além disso, conforme relatou o prefeito Junior da Femac, outras medidas foram adotadas como forma de reduzir os reflexos negativos da pandemia, a partir de alternativas de ajuda econômica. Entre elas se destacam a Lei Aldir Blanc (setor cultural), Lei Aldir Blanc Municipal (setor de eventos), Lei Municipal para redução da tarifa de ocupação de espaços no terminal Rodoviário Urbano, Prorrogação do pagamento de taxas e do IPTU; liberação de microcrédito via governo do estado, e subsídio na tarifa do transporte coletivo urbano.

OBRAS, PROGRAMAS E SERVIÇOS:

Apesar das dificuldades impostas pela pandemia as obras de infra estrutura urbana e de outras áreas como a educação e a saúde tiveram seqüência normal, bem como programas e serviços. Do relatório apresentado constam mais de 120 ações administrativas. Confira algumas:

Início do atendimento no Centro de Radioterapia de Apucarana (com novo tomógrafo); Casa da Gestante ganhou um moderno equipamento de ultrassom; obras da nova UBS do Adriano Correia atingem 50% do projeto; conquista da UBS do Jardim Primavera; entrega da reforma e ampliação da UBS da Vila Regina; obras do segundo bloco do Cisvir entram na reta final; 12 mil alunos da rede municipal receberam kit de materiais escolares; entrega da reforma e ampliação da escola Alcides Ramos; piscina térmica do Centro de Convivência do Idoso está sendo licitada; mais uma etapa de modernização da Iluminação Pública (troca de 5 mil luminárias); reabertura do Bosque Municipal, que recebeu diversas melhorias; o Centro de Iniciação esportiva (CIE) está em fase final de obras; implantação da nova rotatória do “São José”; criação do serviço de coleta de inservíveis; conclusão do Espaço das Feiras (inauguração nos próximos dias); início das obras de ampliação e reforma da Escola Braga Cortes; diversos trechos de pavimentação asfáltica sobre paralelepípedos, recape e novo; alargamento, drenagem e asfalto novo em trecho complementar da Avenida Cristiano Kussmaul; primeira etapa da rede de esgoto do Residencial Interlagos; conquista da segunda loja do Super Muffato, no Bairro Igrejinha; contratação de pesquisa e estudo do Sebrae, visando a retomada da economia no pós-pandemia; mobilização contra nova praça de pedágio na BR-376; autorização para a licitação de ciclovia na saída para Londrina; lançamento da licitação para resolver alagamento defronte à UPA; liberação de R$250 mil ao Conecta, para instalação do Centro de Inovação; liberação de R$250 mil para financiar o setor de esportes; implantação da sinalização da “Serra de Apucarana”, Programa Mais Vida Animal e Centro Municipal de Saúde Animal; autorização de concurso para a Guarda Civil Municipal; realização do 6º Femudap; proposição de projeto de lei visando a liberação de R$1 milhão para o setor de eventos; criação da Casa do Mel (Economia Solidária); compra de R$700 mil em cursos profissionalizantes (1.750 vagas); ligação entre Vila Reis e o Jardim Curitiba; entrega da reforma e ampliação do CMEI Josa Ribeiro; Ambulatório Dermatologia ganhou certificação do Conselho Federal de Dermatologia; asfalto no Parque Industrial Berté; e criação do Bosque Memorial em homenagem às vítimas da Covid-19 (Jaboti). Finanças: salários em dia, contas de 7 anos aprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado, pagamento de fornecedores em dia. Apucarana é o 2º município do Paraná em eficiência com folha de pagamento.

Fonte: AN Notícias com PM Apucarana