Carregando...

Alerta!

logo Cabeleireira protesta em ônibus em Curitiba: 'Se aqui o vírus não pega, vou trabalhar aqui' - Notícias - AN Notícias Cabeleireira protesta em ônibus em Curitiba: 'Se aqui o vírus não pega, vou trabalhar aqui' - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 05 de Maio de 2021

SAIBA MAIS

Dia Nacional das Comunicações - Dia da Comunidade - Dia do artista pintor e Dia do Expedicionário -
27/03/2021 11h43

Cabeleireira protesta em ônibus em Curitiba: 'Se aqui o vírus não pega, vou trabalhar aqui'Se aqui o vírus não pega, então vamos trabalhar aqui”, afirmou a trabalhadora

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto

A cabeleireira Paola Bratch, que trabalha em um salão de beleza dentro do Shopping Mueller, na capital paranaense, está sem poder atender há um mês e decidiu angariar clientes dentro do biarticulado da linha Santa Cândida-Capão Raso.

“Se não posso trabalhar no salão, então vou trabalhar onde o governo autoriza a funcionar. Já que os ônibus estão funcionando normalmente deve ser porque aqui está mais higienizado que no salão. Se aqui o vírus não pega, então vamos trabalhar aqui”, afirmou a trabalhadora.

Mais que uma preocupação com o próprio trabalho, Paola explica que seu temor é também pelo alto número de contaminação da Covid-19 na cidade, que parece atingir a população mais carente que é usuária do transporte coletivo. “A prioridade é a vida humana. Mas como os trabalhadores em geral vão sobreviver se não tiverem o que comer? Situação delicadíssima, mas senti que deveria protestar. Muitos não são assalariados e não estão suportando as contas, o financiamento, o aluguel e o mercado", disse Paola.

Fonte: AN Notícias com Bem PR

Galeria de Imagens