Carregando...

Alerta!

logo A doença que matou o empresário Almir Rodrigues da Cunha, na noite de ontem, está sob investigação da Secretaria de Saúde de Maringá, que admite a suspeita de febre amarela - Notícias - AN Notícias A doença que matou o empresário Almir Rodrigues da Cunha, na noite de ontem, está sob investigação da Secretaria de Saúde de Maringá, que admite a suspeita de febre amarela - Notícias - AN Notícias

Apucarana, 17 de Maio de 2021

SAIBA MAIS

Dia Internacional das Telecomunicações -
09/01/2008 15h56

A doença que matou o empresário Almir Rodrigues da Cunha, na noite de ontem, está sob investigação da Secretaria de Saúde de Maringá, que admite a suspeita de febre amarelaMaringá registra primeira suspeita de febre amarela.

Diminuir texto Diminuir texto Diminuir texto
A doença que matou o empresário Almir Rodrigues da Cunha, na noite de ontem, está sob investigação da Secretaria de Saúde de Maringá, que admite a suspeita de febre amarela. Almir Rodrigues da Cunha faleceu por volta das 18 horas no hospital Santa Rita, onde estava internado desde domingo. Ele passou o final de ano com parentes no município de Caldas Novas, em Goiás, Estado que está com 50 cidades em alerta sobre a doença. O corpo do empresário retornará para Caldas Novas, onde será sepultado. A Secretaria de Saúde encaminhou amostras de sangue de Cunha para o Laboratório Central do Estado, em Curitiba. A previsão é que o exame só fique pronto em 20 dias. A febre amarela é transmitida nas cidades pelo mosquito Aedes aegypti – o mesmo transmissor da dengue. A vacina para a doença é gratuita e está disponível no prédio da Secretaria Municipal de Saúde, na Avenida Prudente de Moraes. Sintomas Segundo o Ministério da Saúde, uma pessoa com febre amarela apresenta nos primeiros dias sintomas parecidos com os de uma gripe. Os sintomas mais comuns são febre alta e calafrios, mal-estar, vômito, dores no corpo, pele e olhos amarelados, sangramentos, fezes cor de "borra de café" e diminuição da urina. No ano passado, o Brasil registrou seis casos da doença, com cinco mortes.
Fonte: CWB

Galeria de Imagens